Postado em 26/10/2020

Fonoaudiologia BH

1 - “Você não consegue”, ou, “deixa que eu faço para você”:
A pessoa com TEA possui um pensamento concreto e não consegue entender o sentido figurado, então quando se diz “você não consegue”, ela entende que nunca conseguirá realizar aquela ação;

Nessa situação, ao invés de fornecer uma negativa, você poderá orientar demonstrando como deve ser feito.

2 - Não prometa algo que não possa cumprir.

3 - Não responda pela criança:

Incentive a criança a responder, caso seja verbal, se não for, coloque, por exemplo, uma pulseira com o nome da criança/adolescente para que consiga se COMUNICAR por demonstração.

4 - Não pergunte quando não é opcional:

“Você quer comer?”
➢ Quando você dá uma opção à criança, ela poderá dizer NÃO.
Algumas atividades não são opcionais, a criança precisa fazer.
Quando for algo importante diga para o seu filho/paciente, por exemplo, “vamos escovar os dentes”.

5 - Não mentir:

“Não vai doer essa vacina”, “Será legal”... É importante narrar o que acontecerá:
Nós vamos em uma festa, você encontrará seus amigos. Lá terá música, balão, bolo…
Você não sabe se será legal para a criança, mesmo que seja para você.
Entrar em contato
Mensagem enviada. Entraremos em contato com você em breve.